keyboard_backspace

Página Inicial

Esportes

Itália pede prisão internacional ou extradição de Robinho

Jogador teria que cumprir nove anos de prisão no país por violência sexual em grupo. Como está no Brasil, a Constituição não permite a extradição, mas a pena poderá ser cumprida aqui

A Itália, por meio Ministério Público de Milão, pediu prisão internacional e a extradição de Robinho, de 37 anos, ex-jogador da Seleção Brasileira. Ele foi condenado por violência sexual em grupo cometida contra uma mulher albanesa em uma boate de Milão, em janeiro de 2013. Com o mandado de detenção internacional, o atacante não poderá viajar para países com os quais a Itália tem acordos de extradição. As informações são da agência France Presse (AFP).

Em 19 de janeiro, Robinho recebeu a sentença definitiva pelo crime na Corte de Cassação de Roma, a terceira e última instância da Justiça italiana. Apesar do pedido de extradição, a Constituição de 1988 não permite que brasileiros natos sejam extraditados. Ainda assim, o advogado da vítima, Jacopo Gnocchi, disse à AFP não descartar a possibilidade de um acordo entre as autoridades do dois países para que Robinho cumpra a pena em uma penitenciária do Brasil.

No caso de um acordo, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) terá de homologar a sentença estrangeira, e não há prazo para o processo. Contudo, a defesa da vítima considera que não importa o local de cumprimento da pena de prisão de Robinho. “Para nós, não muda se ele cumpre a condenação na Itália ou no Brasil, o importante é que cumpra, sobretudo pelo crime cometido, para proteger as mulheres”.

A vítima de 23 anos denunciou ter sido embriagada. Depois sofreu abuso sexual por seis homens enquanto estava inconsciente. O processo judicial foi aberto em 2016, mas desde então Robinho não compareceu a nenhuma audiência. Acabou condenado em primeira instância já no ano seguinte.

Em 2020, o Santos só suspendeu o contrato com o atacante, mas depois de pressionado pela repercussão negativa. Até o momento, o processo envolvendo os outros quatro homens acusados está suspenso, mas pode ser reaberto por decisão da Justiça italiana. Com o julgamento na terceira instância, a sentença de Robinho é definitiva e não cabe mais recurso.

Fonte: redebrasilatual

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Esportes

Idosos de Navegantes participam da 2ª Olimpíada da Terceira Idade da Amfri

A delegação de Navegantes é composta por 40 atletas, com idade superior a 60 anos

Esportes

Surfista paratleta de BC conquista ouro em competição no Havaí

Essa foi a etapa inaugural do Circuito Mundial de Parasurf Profissional, que acontece entre os dias 7 e 11 de setembro, na California

Esportes

Dicas para escolher o melhor tênis de corrida para o Night Run Outlet Premium

A organização é da Corre Brasil Marketing Esportivo, com realização da Associação de Apoio e Cultura e Esporte de Santa Catarina (AACESC)

Esportes

Havan é a nova patrocinadora de equipe de vôleio de Brusque

A equipe feminina encara a partir de julho as competições do Catarinense, Jogos Abertos e a Superliga Brasileira de Voleibol

Mais notícias

Segurança

Polícia Civil investiga morte de bebê de cinco meses em Criciúma

Óbito ocorreu dentro de casa na noite de sexta-feira (24)

Geral

Familiares se despedem do jornalista Dom Phillips em Niterói

Família disse que seguirá atenta aos desdobramentos das investigações