keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Índia: ciclone já causou duas mortes e danos em cerca de 20 mil casas

O ciclone Yaas, a segunda tempestade tropical a atingir a Índia em menos de duas semanas, segundo o Departamento Meteorológico indiano, prevê rajadas de até 155 quilômetros por hora.

X
Foto: Reuters

Pelo menos duas pessoas morreram nesta terça-feira (26) na Índia devido à passagem do ciclone Yaas, que varre a costa oriental do país e que também causou danos em cerca de 20 mil casas, informaram as autoridades. “Uma das vítimas foi arrastada pelo mar e a outra morreu após sua casa desabar no distrito de East Midnapore”, declarou Mamata Banerjee, primeira-ministra do estado de Bengala Ocidental, no leste do país.

Segundo ela, a estação balnear de Digha foi “submersa” por ondas da altura de um ônibus de dois andares. “Os rios transbordaram, inundando 12 ilhas e rompendo vários diques”, acrescentou Mamata Banerjee.

O ciclone Yaas, a segunda tempestade tropical a atingir a Índia em menos de duas semanas, segundo o Departamento Meteorológico indiano, prevê rajadas de até 155 quilômetros por hora. Na semana passada, o ciclone Tauktae, primeira grande tempestade tropical da temporada, que atingiu em 17 de maio o estado do Gujarat, deixou pelo menos 155 mortos no oeste do país.

Desta vez, cerca de 1,5 milhão de pessoas que vivem ao longo da costa oriental do golfo de Bengala tiveram de deixar suas casas. A chuva torrencial e os ventos violentos atingem desde ontem as localidades e cidades costeiras.

As autoridades de Calcutá, capital do estado de Bengala Ocidental, determinaram o fechamento do aeroporto internacional e o mesmo ocorreu com o aeroporto de Bhubaneswar, capital do estado de Odisha.

Cerca de 5 mil socorristas, no total, foram mobilizados nos dois estados ameaçados, com meios de comunicação de emergência, barcos e assistência médica, informou a Força Nacional de Resposta a Desastres.

O Yaas também deverá interromper os esforços locais para combater a covid-19. A epidemia já matou cerca de 310 mil pessoas em todo o país.

Fonte: Agência Brasil

Geral

Dez dias após enxurrada, Camboriú volta a registrar alagamentos

Dez dias depois da enxurrada que castigou a cidade de Camboriú, o município voltou a registrar alagamentos por conta das chuvas neste sábado (19). A Secretaria de Proteção e Defesa Civil de Camboriú e o […]

Geral

Mulher encontra bebê recém-nascido depois de escutar choro em casa abandonada

A criança ainda estava com o umbigo aberto e havia sinal de que o parto teria acontecido há pouco tempo

Geral

Defesa Civil alerta para mar muito agitado com ondas de até 4 metros em Santa Catarina

A atuação do sistema de baixa pressão provoca ventos de até 70km/h no litoral e isso deixa o mar muito agitado

Geral

Chuva volumosa pode causar alagamentos e deslizamentos de terra em SC

A Defesa Civil orienta sobre os cuidados em casos de alagamentos evitando o contato com as águas e não dirigindo em locais alagados

Geral

Bombeiro morre após cair de bicicleta em Balneário Camboriú

O Corpo de Bombeiros de Balneário Camboriú informou, nesta sexta-feira (18), o falecimento do soldado Lopes Ele sofreu uma queda de bicicleta descendo a Estrada da Rainha no início da noite da última terça-feira (14) […]

Mais notícias

Coronavírus

“Arraiá da Vacinação” atrai moradores para imunização contra a Covid-19 em Itapema

Para se vacinar é necessário ter feito o pré-cadastro no site da Prefeitura de Itapema (www.itapema.sc.gov.br) e estar com documento de identificação e cartão SUS

Geral

Dez dias após enxurrada, Camboriú volta a registrar alagamentos

Dez dias depois da enxurrada que castigou a cidade de Camboriú, o município voltou a registrar alagamentos por conta das chuvas neste sábado (19). A Secretaria de Proteção e Defesa Civil de Camboriú e o […]