keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Imagens do PM de Lages que invadiu apartamento para agredir vizinhas repercutem no Brasil

Confusão foi registrada em Lages na noite de segunda-feira (3)

Na noite de segunda-feira (3), um policial militar, que está de licença do serviço, por fazer parte do grupo de risco da Covid-19, entrou em um apartamento e agrediu ao menos três jovens na cidade de Lages, na Serra catarinense. O caso ocorreu por volta das 22h. e as imagens repercutiram no país. O PM é vizinho das vítimas e segundo relatos feitos nas redes sociais, as jovens comemoravam a apresentação de um trabalho de faculdade, quando a briga teria iniciado por conta do barulho.

Nos vídeos, é possível ver que as agressões começam após o PM afirmar que queria as imagens feitas por uma das jovens. Logo depois, outra mulher – identificada como a companheira do policial – entra na sala e tenta tirar a força um celular da mão de uma das moradoras. O PM intervém e as agressões começam, enquanto as mulheres pedem para que ele deixe o local.

Por meio das redes sociais, a filha do PM se pronunciou. Segundo ela, por volta das 22h, as moradoras do apartamento vizinho “começaram a gritar e fazer aglomeração”. Elas ainda teriam ligado a música do Proerd (Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência), no intuito de provocar o policial. “Para quem não sabe, meu pai trabalha como professor no Proerd”, disse. “Meu pai ficou no limite e foi lá falar com ela, onde aconteceu tudo. Meu pai em nenhum momento bateu nelas, muito pelo contrário, sempre foi tentando dialogar e elas revidavam sendo debochada. Então, minha mãe viu ela gravando e tentou tomar o celular, onde as duas gurias pularam para bater na minha mãe”.

Vídeo mostra as agressões

Em um segundo vídeo, é possível ver o policial separando as mulheres. No hall de entrada, o policial usa o cassetete contra a elas e deixa o local, após puxar a esposa pelas roupas. A Polícia Militar foi chamada e um boletim de ocorrência foi feito. Após os vídeos viralizarem nas redes sociais, a Polícia Militar em Lages determinou a instauração de um procedimento correcional. Em nota, a corporação afirmou “tratar-se de fato isolado que não condiz com a formação e a preparação dos policiais militares catarinenses. Após os vídeos viralizarem nas redes sociais, a Polícia Militar em Lages determinou a instauração de um procedimento correcional. Em nota, a corporação afirmou “tratar-se de fato isolado que não condiz com a formação e a preparação dos policiais militares catarinenses.

Geral

Adolescente de 16 anos morre ao bater moto

Um adolescente de 16 anos morreu após bater na mureta do elevado Dias Velho, na saída de Florianópolis. A carona da moto, também de 16 anos, foi socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e levada ao hospital.

Geral

Adolescente com depressão está desaparecida em Porto Belo

Uma família de Porto Belo pede ajuda para localizar uma adolescente desaparecida. Katy Bandeira, 16 anos, saiu de casa no sábado (28) por volta das 19h e não foi mais vista. Ela mora com a família no bairro Perequê.

Geral, Segurança

Motorista bêbado é preso após matar vendedor de caldo de cana em Navegantes

Um motorista bêbado atropelou várias pessoas e matou um vendedor de caldo de cana. O caso ocorreu na tarde deste domingo (29) na orla do bairro Meia Praia, em Navegantes.

Geral

Bebê é encontrada em caixa de sapato dentro de lixeira em Balneário Camboriú

A bebê, de aproximadamente 28 semanas, estava em um lixeira de um prédio na rua 3850. Ela foi salva por um catador de materiais recicláveis que percebeu a movimentação. Ele ligou para o SAMU

Geral

Motorista bêbado bate em caminhão e deixa três pessoas feridas em Florianópolis

Um motorista bêbado bateu em um caminhão que fazia manutenção na SC-401, em Florianópolis. Dois trabalhadores sofreram ferimentos e uma mulher que estava na carona ficou gravemente ferida.

Mais notícias