keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Homem investigado por roubos em estabelecimentos comerciais é preso pela Polícia Civil

Prisão foi realizada na terça-feira pela equipe de investigação

A Polícia Civil de Ascurra cumpriu na terça-feira (18) um mandado de prisão preventiva e três mandados de busca e apreensão em Ascurra e Rodeio expedidos pela Justiça contra um homem suspeito de furto qualificado e roubo tentado em Ascurra e Rodeio.

O suspeito é investigado em virtude da prática de furtos realizados contra estabelecimentos comerciais e roubo tentado perpetrado contra uma panificadora, em junho de 2020.

Os mandados de busca e apreensão foram cumpridos em Ascurra e em Rodeio, local no qual foram apreendidos objetos subtraídos de um posto de combustíveis. Ainda, em Rodeio foi cumprido o mandado de prisão preventiva contra o suspeito. Este é o segundo suspeito envolvido nos furtos preso pela Polícia Civil de Ascurra. Ele foi encaminhado ao Presídio Regional de Blumenau.

Geral

Após um ano do julgamento dos royalties no STF, SC ainda trava luta judicial por recursos

O indicativo de receber R$ 300 milhões correspondia apenas aos valores depositados ao Paraná, com correção monetária, mas sem juros.

Geral

BR-470 vira tema de clipe feito por moradores de SC

Segundo o artista que mora a cerca de 100 metros da rodovia, os sustos com o estouro dos pneus é semanal. Por conta disso, ele decidiu compor a canção.

Geral

Coronavírus em SC: Estado confirma 1.032.128 casos, 994.723 recuperados e 16.436 mortes

Aos casos confirmados se somaram 4.368, enquanto a estimativa de recuperados cresceu 2.963.

Geral

As cinco melhores dicas para ganhar a Mega-Sena

Quando você sente que a sorte está do seu lado, é hora de se aventurar em um jogo de loteria e deixar que o acaso dite o desfecho final. Porém, há quem diga que nem […]

Mais notícias

Segurança

Mulher que matou filha de 41 dias de vida é condenada a mais de 18 anos de prisão em Chapecó

Segundo depoimentos, ao ser informada sobre a morte da bebê, a mãe não teria esboçado reação e não parecia nervosa.

Geral

Após um ano do julgamento dos royalties no STF, SC ainda trava luta judicial por recursos

O indicativo de receber R$ 300 milhões correspondia apenas aos valores depositados ao Paraná, com correção monetária, mas sem juros.