keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Homem é encontrado caminhando na rua com nove cortes profundos na cabeça, tiro no braço e todo ensanguentado

O homem foi conduzido para o hospital e segue no pronto socorro para avaliação médica

X
Imagem Ilustrativa

Na noite desta terça-feira (20), um homem foi encontrado caminhado na cidade de Rio do Sul, com as roupas todas cheias de sangue e com cerca de nove cortes profundos na cabeça, além de uma marca de tiro no braço.

A Polícia Militar (PM) abordou o homem que disse ter sido surpreendido por um trio que o atacou, mas não conseguiu ver quem era nenhum dos três suspeitos. A vítima tem passagens pela polícia.

O homem foi conduzido para o hospital e segue no pronto socorro para avaliação médica.

Fonte: Visor Notícias

Segurança

Funcionário é achado morto e patrão pendurado na árvore em piquete de gado em SC

Patrão foi resgatado com vida; ele estava todo ensanguentado

Segurança

Caminhão que transportava casa de madeira se envolve em acidente no RS

Condutor do caminhão não tinha autorização nem sinalização adequada para realizar o transporte

Segurança

“Não corre senão eu te mato”; vídeo flagra ação de assaltante em mercado de Joinville

O prejuízo para o dono do estabelecimento foi de R$ 400 reais só em dinheiro, além das bebidas levadas

Segurança

O que se sabe sobre o caso do corpo encontrado sem cabeça em SC

Vítima ainda não foi identificada oficialmente e a confirmação só será possível após exame de DNA

Segurança

Vice-governador do Mato Grosso é indiciado após espancar esposa em Itapema

Vice-governador já foi indiciado por ter agredido a esposa durante as férias

Mais notícias

Segurança

Funcionário é achado morto e patrão pendurado na árvore em piquete de gado em SC

Patrão foi resgatado com vida; ele estava todo ensanguentado

Geral

Japão vê disseminação inédita da covid-19 e recorde de casos em Tóquio

Mas ele sinalizou a possibilidade de reverter a diretriz, já que a decisão de pedir que alguns doentes fiquem em casa gera críticas de especialistas médicos por colocar vidas em risco.