keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Homem é condenado a 100 anos de prisão por abusar sexualmente das próprias filhas e enteadas

Um homem de 47 anos foi condenado, esta semana, a 100 anos, quatro meses e 15 dias de reclusão por abusar, ao longo de diversos anos, de duas filhas biológicas e uma enteada no município […]

Um homem de 47 anos foi condenado, esta semana, a 100 anos, quatro meses e 15 dias de reclusão por abusar, ao longo de diversos anos, de duas filhas biológicas e uma enteada no município de Itapoá, norte de Santa Catarina. A sentença foi proferida pela juíza Aline Vasty Ferrandin,  titular da 2ª Vara da comarca de Itapoá.

O homem foi julgado pelos crimes de estupro de vulnerável contra as três vítimas, com causa de aumento de pena em razão do parentesco. Ainda, foi reconhecida a continuidade delitiva, em razão dos abusos terem se perpetuado ao longo de vários anos.

Em depoimento, uma das vítimas do agressor afirmou que sofreu o primeiro estupro aos seis anos de idade, quando o réu a amarrou com um fio de luz e praticou relação sexual. Os atos só cessaram em sua adolescência, quando ela ameaçou o acusado com uma faca ao descobrir que sua irmã caçula também era vítima de abusos. 

A segunda vítima também garantiu que foi abusada pelo agressor quando tinha entre sete e oito anos de idade. Os abusos ocorreram por aproximadamente três a quatro anos. Ela conta que o réu a ameaçava de morte caso contasse algo para sua mãe. Já a matriarca tinha fortes problemas de coluna e, por conta de remédios, passava muito tempo desacordada. A vítima contou que o agressor aproveitava esses momentos de sonolência para cometer os atos.

Por último, a atual enteada do acusado, cuja denúncia trouxe à tona os abusos anteriores praticados contra as filhas biológicas, também confirmou ter sido violentada. Relatou que o réu, além de agredi-la fisicamente, lhe dava dinheiro para não chorar durante a prática dos atos.

Na sentença há registros de muita comoção durante alguns dos depoimentos das vítimas abusadas pelo homem. “Restou inconteste que o acusado, após abusar sexualmente, ao longo de vários anos, de suas filhas biológicas, prosseguiu em sua empreitada criminosa voltando os olhos agora para uma nova criança, sua enteada, que de forma lastimável ficou por dois anos à mercê das barbáries do acusado. A triste narrativa apresentada na denúncia e confirmada no decorrer do processo não deixa dúvidas de que o réu tratava-se de um predador sexual de menores”, destacou a magistrada, em seu julgado. 

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Geral

Fotos: Geada transforma as paisagens da Serra Catarinense

Fotos do fotógrafo Wagner Urbano mostra como a geada afetou as paisagens das cidades da Serra

Geral

Mourão visita feira da FIESC, em Florianópolis

O vice-presidente da República esteve na feira de tecnologias e produtos de defesa nesta sexta-feira (20), na Base Aérea de Florianópolis

Geral

Veja quais postos de Santa Catarina venderão gasolina a R$4,99 o litro

Cada cliente poderá abastecer atá 15 litros por carro e cada filial disponibilizará 5 mil litros de gasolina comum pelo valor diferenciado

Geral

Bolsa Estudante: Auxílio começa a ser pago aos estudantes contemplados nesta sexta-feira

Os bolsistas que informaram uma conta corrente do Banco do Brasil receberam ambas as parcelas nesta sexta

Geral

Trabalho de monitoramento contra dengue é intensificado pela Prefeitura de BC

Outra ação de combate à dengue são palestras nas escolas de Balneário Camboriú.

Mais notícias

Segurança

Criminosos se desesperam e sofrem grave acidente durante sequestro em Santa Catarina

Uma das vítimas conseguiu pular do veículo e fugir, mas a outra ficou dentro do carro e teve de ser atendida

Segurança

Carro fica completamente destruído em acidente em SC; motorista sobrevive

O motorista, de 38 anos, condutor do carro, estava no local aguardando socorro