keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Gosma verde é encontrada em caixa de suco por estudante de SC

Ao abrir um suco para tomar café da manhã, na segunda-feira (21), uma estudante encontrou uma ‘gosma’ de cor verde saindo de dentro da embalagem. O fato, que surpreendeu Julina Jacinto, foi divulgado por ela […]

X
Foto: Juliana Jacinto/Divulgação

Ao abrir um suco para tomar café da manhã, na segunda-feira (21), uma estudante encontrou uma ‘gosma’ de cor verde saindo de dentro da embalagem. O fato, que surpreendeu Julina Jacinto, foi divulgado por ela no Facebook. “Esse negócio verde ficou preso na abertura (da embalagem). Então, peguei uma pinça e comecei a puxar para ver o que era isso. A parte verde, que parece uma capinha, começou a rasgar e, conforme eu fui puxando, dentro tinha uma ‘geleca’ bege, parece pele de cobra, mas não tenho certeza”, relatou.

Julian, que é estudante de jornalismo da UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) e moradora do município de Itanhanhém (SP), fez o relato da experiência. Ela ainda contou que começou a tomar o suco no dia anterior e que teve dor de barriga durante a noite. Juliana atribuiu as dores ao suco somente na segunda-feira, quando encontrou o objeto dentro da embalagem.

Após o ocorrido, a estudante afirma que entrou em contato com o SAC (Serviço de Atendimento ao Consumidor) da Coca-Cola, empresa dona da Ades. “Uma atendente ligou dizendo que iriam vir recolher os sucos que ainda tínhamos em casa até quinta-feira, tirando o que eu tomei ontem e hoje, ainda têm outros dois do mesmo lote fechados”, disse.

Além disso, a colaboradora da empresa informou que poderia escolher entre receber três novas caixas do suco ou a compensação pelo que foi pago, algo em torno de R$ 16. “Eu conversei apenas pelo telefone com o SAC, mas a atendente falou que provavelmente era mofo”, contou Juliana.

Suspeita do que seria a gosma

A Coca-Cola Brasil informou nesta terça-feira (22), que a aparência do produto demonstrada nas fotos “é em geral relacionada ao desenvolvimento de bolor em momento posterior à produção e distribuição”.

A empresa detalha que o bolor – ou mofo -, é causado por microrganismos e pode se desenvolver quando ocorre alguma falha no manuseio, transporte ou armazenamento da embalagem – que é asséptica, ou seja, isenta de qualquer tipo de contaminação na condução normal desses procedimentos.

“Se a embalagem da bebida for danificada, isso permite a entrada de oxigênio e dos microrganismos causadores do bolor. A embalagem em perfeito estado é a principal barreira de proteção da integridade do produto”, afirma.

A Coca-Cola ainda destaca que a fabricação do Ades cumpre rigoroso controle de qualidade. “A planta de Pouso Alegre (MG), onde são produzidas as bebidas à base de soja da marca, segue todos os requisitos internacionais de segurança de alimentos, além de todas as legislações sanitárias do país”. A informação foi divulgada pelo portal ND+.

Fonte: Visor Notícias

Geral

Tragédia: Cadeirante não consegue sair de casa e morre carbonizado em SC

Durante o processo de rescaldo do incêndio, o corpo da vítima foi localizado totalmente carbonizado

Geral

Atenção motoristas: Trecho da BR-470 em SC será interditado totalmente neste domingo

Bloqueio da pista está programado para às 5h, com reabertura estimada às 15h

Geral

Havan é três vezes premiada como marca mais lembrada pelos catarinenses em 2021

É a 13ª vez que a reade varejista é finalista do Top Of Mind em Santa Catarina

Geral

Relatório do IMA aponta que 78,8% dos pontos analisados no Litoral estão próprios para banho

De novembro a março, considerado alta temporada, os resultados das amostras são divulgados toda semana

Geral

Paulinha homenageia Hospitais filantrópicos em sessão especial da Alesc

Paulinha afirmou que a homenagem foi a forma encontrada para trazer luz ao trabalho edificado pelas mãos dos profissionais e dirigentes das unidades de saúde

Mais notícias

Coronavírus

Matriz de Avaliação de Risco Covid-19 aponta 13 regiões no nível moderado

Houve melhora nos indicadores das regiões Alto Vale do Itajaí, Nordeste e Oeste

Segurança

Mãe que abandonou bebê em geladeira é presa pela Polícia Militar

Suposta mãe da criança entregou um embrulho para vizinha, há um ano atrás, dizendo que era um pedaço de carne

Atendente Virtual Visor

Estou disponível, posso ajudar?

openPopup