keyboard_backspace

Página Inicial

Cultura e Lazer

Galeria do Artesanato reabre na Casa da Alfândega em Florianópolis

Cedido à FCC, o espaço conta com produtos de cerca de 70 expositores de todas as regiões do Estado

A Galeria do Artesanato reabriu suas portas nesta segunda-feira, 7, na Casa da Alfândega, no Centro Histórico de Florianópolis. O espaço, que é administrado pela Fundação Catarinense de Cultura (FCC), retorna ao edifício de mais de 140 anos após um processo de recuperação completa, incluindo modernização da parte elétrica, iluminação, climatização e acessibilidade. O investimento foi de R$ 5,8 milhões, do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan/SC), órgão responsável pela obra.

Presente na cerimônia de reabertura, a primeira-dama de Santa Catarina e presidente do Conselho da Rede Laço, Késia Martins da Silva, destacou a importância do trabalho dos artesãos e artesãs. “Como fã apaixonada por artesanato, fico encantada em ver a riqueza nos detalhes das peças, feitas com tanto amor e que representam tão bem a nossa diversidade cultural. Quando o turista leva uma peça, um artigo, ele está levando as lembranças e registro do nosso estado. Esse espaço dá visibilidade e reconhecimento destes habilidosos artistas que confeccionam esses produtos lindos.”

Na opinião do presidente da FCC, Edinho Lemos, o retorno da Galeria do Artesanato à Casa da Alfândega vai muito além da comercialização das peças. “É um retorno às origens de Florianópolis. As pessoas podem vir aqui visitar o casario, que faz parte do Centro Histórico da capital, junto com o Mercado Público e todo esse entorno cultural. A preservação desses patrimônios foi muito importante tanto para os turistas como para a identidade da cidade, uma vez que ajudam a preservar a memória de Santa Catarina para o Brasil e o mundo.”

Ainda durante o evento, Jaelice Aparecida Monteiro, tesoureira da Associação dos Artesãos da Casa da Alfândega afirmou: “esse espaço cultural de importante relevância para o artesanato catarinense contribui grandemente com a preservação da cultura do nosso estado. É o nosso lar!”

Cedido à FCC, o espaço conta com produtos de cerca de 70 expositores de todas as regiões do Estado, resultando em aproximadamente 3,7 mil peças. São comercializadas mais de 35 mil artigos em madeira, gesso, palha, cerâmica, tapeçarias, bonecos, rendas e bordados, entre outros materiais e técnicas.

A Galeria do Artesanato está aberta ao público de segunda a sexta-feira das 9h30 às 18h30 e, aos sábados, das 9h às 13h. Entrada gratuita.

Fonte: Visor Notícias

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Cultura e Lazer

Feira Internacional da Música do Sul terá etapa catarinense em Itajaí

Boletim Epidemiológico confirma ainda 211 casos da doença em 2022, uma redução de 40% em relação ao ano passado

Cultura e Lazer

Segunda edição do Bombinhas Blues Festival agita baixa temporada da região

Grandes nomes do blues brasileiro e internacional espalham o ritmo pela belíssima Bombinhas e aquecem o inverno da península

Cultura e Lazer

Balneário Camboriú recebe o festival Mundo dos Vinhos no sábado (25)

Com degustação gratuita de queijos, massas e rótulos de diferentes vinícolas, unidade do Fort Atacadista na rua Acre também terá música ao vivo

Cultura e Lazer

Tradição do Engenho de Farinha atravessa gerações em Itapema

Processo inicia em junho e segue até setembro, produzindo anualmente 13 mil quilos de farinha

Cultura e Lazer

Saragaço: Festa tradicional envolve a comunidade e celebra a pesca artesanal da tainha em Bombinhas

Gincana, apresentações culturais e gastronomia típica prometem agitar a sexta edição do evento

Mais notícias

Geral

Vídeo: Âncora da CNN comete gafe e fala palavrão ao vivo

Internautas não perdoaram e vídeo viralizou na web

Segurança

Homem é preso por descumprir medida protetiva contra a ex-mulher em Gaspar

Ela possuía medida protetiva de afastamento e proibição de manter contato desde o ano passado