keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Família é presa por assaltantes no banheiro de casa durante 10 horas

Da residência foram levados o veículo, cinco roçadeiras, duas motosserras e até carnes congeladas

Foto: Ilustrativa/Visor

Um assalto fez com que uma família de Benedito Novo passasse por momentos de tensão entre sexta-feira (22) e sábado (23). Segundo informações, a família foi feita refém pelos criminosos armados. As vítimas foram presas dentro do banheiro da residência por mais de 10 horas até conseguirem sair e acionar a Polícia Militar.

Duas vítimas foram levadas por um parente até a sede da corporação da PM para contarem que na noite anterior criminosos encapuzados e armados encontraram no imóvel e renderam todos que estava na casa.

Da residência foram levados o veículo, cinco roçadeiras, duas motosserras e até carnes congeladas. Não houve relato de feridos. O boletim de ocorrência foi feito para investigação da Polícia Civil.

Fonte: Visor Notícias

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Segurança

Criança autista de 3 anos morre após amamentação em Penha

Segundo informações, a mãe da criança amamentou a pequena e em seguida colocou ela para dormir no quarto

Segurança

Criminosos furtam a placenta de catarinense acreditando ser carne

A vítima contou que guardou o órgão há 3 anos, quando teve sua filha, esperando mostrar para ela no futuro

Segurança

Motociclista morre em acidente com carro em SC

Quando os socorristas chegaram, já não havia ninguém no local do acidente

Segurança

PM de Itapema faz operação em áreas de invasão

Operação foi no bairro Alto São Bento

Mais notícias

Segurança

Criança autista de 3 anos morre após amamentação em Penha

Segundo informações, a mãe da criança amamentou a pequena e em seguida colocou ela para dormir no quarto

Segurança

Criminosos furtam a placenta de catarinense acreditando ser carne

A vítima contou que guardou o órgão há 3 anos, quando teve sua filha, esperando mostrar para ela no futuro