keyboard_backspace

Página Inicial

Coronavírus

Estado discute abertura de novos leitos clínicos e de UTI na região da Amfri

Também foi discutida a possibilidade de abrir cinco leitos imediatos de UTI em Balneário Camboriú

X
Foto: Fabrício Escandiuzzi / SES

A possibilidade de abertura de 50 novos leitos clínicos e de UTI em cidades da Foz do Rio Itajaí foi o destaque da reunião entre Governo do Estado e prefeitos na manhã desta terça-feira, 2, em Balneário Camboriú. O chefe da Casa Civil, Eron Giordani, foi recebido pelo prefeito Fabrício Oliveira para discutir as ações de enfrentamento à Covid-19 na região.

“Já saímos da reunião com a garantia de pactuação de 25 leitos de retaguarda em Penha. O Governo do Estado está atuando em todas as frentes para dar celeridade ao atendimento aos pacientes de Covid”, afirmou o chefe da Casa Civil. Com a definição, cinco novos leitos somam-se aos 20 já existentes no Hospital Nossa Senhora da Penha. O secretário ainda solicitou informações dos prefeitos a respeito da capacidade de criação de novos leitos nos demais hospitais.

Também foi discutida a possibilidade de abrir cinco leitos imediatos de UTI em Balneário Camboriú, além de novas estruturas em outros hospitais da região. 

“Foi uma reunião em que conseguimos planejar, com os prefeitos e com o secretário Eron, a criação de 35 novos leitos de retaguarda e 15 de UTI. Os novos leitos de UTI serão 5 no Centro Municipal de Tratamento de Covid aqui de Balneário Camboriú, e 10 no Hospital Marieta. Os novos leitos de retaguarda serão 20 em Luiz Alves, 10 em Camboriú e 5 no hospital da Penha”, explicou Fabrício Oliveira.

O passo seguinte é o levantamento, por parte das prefeituras, de equipamentos, insumos e contratação de pessoal necessários. Também participaram do encontro, os prefeitos de Penha, Aquiles da Costa; de Porto Belo, Emerson Stein; de Luiz Alves, Marcos Pedro Veber; além do vice-prefeito de Itapema, João Luís Emmel, secretários de Saúde e diretores de hospitais. O prefeito de Porto Belo e presidente da Amfri, Emerson Stein, conduziu o encontro.

“A ideia é utilizar os leitos de hospitais menores, existentes aqui na nossa região, como leitos de retaguarda para atender aqueles que ainda não precisam de UTI’s e abrir novos leitos de UTI em hospitais maiores. Acreditamos que unidos conseguimos suprir uma boa parte das nossas necessidades”, reforça o presidente da Amfri e prefeito de Porto Belo, Emerson Stein.

Outra cidade que deve contribuir com o atendimento é Tijucas. “Mesmo não participando presencialmente da reunião nem fazendo parte da Amfri, o prefeito de Tijucas tem auxiliado na mediação de 15 novos leitos na cidade e que também servirão para atender as demandas do Hospital Marieta Konder”, afirmou Eron Giordani.

Fonte: Visor Notícias

Coronavírus

Havan ajuda na compra de dois respiradores

Um deles foi doado para o Samu de Joinville e o outro para Barra Velha. Ambos vão atender os pacientes do município quando precisam ser transportados com urgência para hospitais da região

Coronavírus

Brasil recebe 2,3 milhões de kits de intubação vindos da China

Segundo o grupo de empresas, a ação foi motivada pelo recrudescimento da pandemia de covid-19 no Brasil e pela escassez de insumos para o atendimento a pacientes em unidades de terapia intensiva (UTIs).

Coronavírus

Mais 220 mil doses de vacina chegam em SC nesta sexta-feira

A carga seguiu escoltada por policiais até o depósito de frios da Diretoria de Vigilância Epidemiológica, em São José, de onde será distribuída para as regionais de saúde do estado ainda na manhã desta sexta.

Coronavírus

SC confirma 848.672 casos e 12.409 mortes por coronavírus

Esses números representam um acréscimo de 96 óbitos em comparação com o último boletim. Registrou-se uma alta de 3.305 na quantidade de confirmados.

Coronavírus

Covid-19: “Tenho medo de pegar isso e morrer”, disse Paulo Gustavo há um ano

Boletim médico divulgado nesta quinta-feira diz que o ator segue em estado grave

Mais notícias

Segurança

Polícia encontra mais de R$4 milhões na casa de homem morto depois de perseguição em Porto Belo

O motorista, que foi baleado na tarde desta sexta-feira (16), após uma perseguição pela cidade de Porto Belo, não resistiu aos ferimentos e morreu antes de dar entrada no hospital

Turismo

Itapema 59 anos: Visor Notícias produz série de reportagens sobre o município

Seja você morador ou turista, tem cantinhos especiais e históricos que você vai amar descobrir