keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Envolvidos em acidente que matou 19 pessoas em Guaratuba são alvos de operação da Polícia Civil

Os envolvidos estão relacionados ao tombamento de um ônibus de turismo, ocorrido em janeiro na BR-376, em Guaratuba, Litoral do Paraná, onde 19 pessoas morreram.

X
Divulgação

Nesta terça-feira (25), a Polícia Civil de Santa Catarina em apoio a Polícia Civil do Paraná cumpriu mandados de busca em investigação contra organização criminosa envolvida no transporte clandestino de passageiros.

A ação foi por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC/PCSC) de São José, juntamente com a Delegacia de Polícia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI/PCSC) da Capital, em apoio a Delegacia de Delitos de Trânsito (DEDETRAN/PCPR).

Em Santa Catarina os mandados foram cumpridos nas cidades de São José e Florianópolis. Mas, houve também cumprimento de mandados nas cidades de Belém e Ananindeua, no estado do Pará, o qual foi cumprido pela Polícia Civil daquele Estado.

Dois dos envolvidos foram conduzidos para DIC de São José, onde foram interrogados sobre os fatos.

Os envolvidos estão relacionados ao tombamento de um ônibus de turismo, ocorrido em janeiro na BR-376, em Guaratuba, Litoral do Paraná, onde 19 pessoas morreram. Na ocasião, o veículo, que transportava 54 pessoas, colidiu em uma mureta de contenção, tombou e caiu na ponte do Rio da Santa.

Segundo apontou as investigações da Polícia Paranaense, o motorista do veículo estava dirigindo em alta velocidade e o freio estava funcionando parcialmente no momento do acidente, sendo a falta de manutenção adequada do veículo uma das causas determinantes para o tombamento.

Conforme ainda apurado, as informações constantes na licença de viagem, feita pela empresa responsável pelo transporte e emitida pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), não correspondem à realidade. Com base nos fatos, a PCPR constatou que não se tratou de uma viagem sob a modalidade de fretamento turístico ou fretamento eventual, e sim de transporte clandestino de passageiros.

As empresas são responsáveis por se associar e agir de forma reiterada, prestando serviço clandestino aos passageiros.

Fonte: Visor Notícias

Segurança

Derramamento de esterco em rodovia provoca dois acidentes em rodovia de SC

Apesar do susto, nenhum dos motoristas sofreu ferimentos

Segurança

Acidente impressionante! Mulher perde controle e invade telhado de casa com moto em Brusque

Vítima manobrava Honda/Biz quando perdeu controle e invadiu telhado da casa

Segurança

Câmara de Vereadores de Piçarras é furtada

Foi registrado, entre a noite desta quinta-feira (17) e madrugada de sexta-feira (18), um furto na Câmara de Vereadores de Piçarras. A Polícia Militar, Civil e o Instituto Geral de Perícias estiveram no local para […]

Segurança

Pai chega buscar filho na escola e encontra criança amarrada a cadeira

Um pai chegou na escola para buscar seu filho e descobriu que a criança estava amarrada a uma cadeira dentro da sala de aula em Vitória, no Espirito Santo. O estudante foi amarrado no horário […]

Segurança

Homem é preso por estupro de vulnerável em Caçador

O suspeito foi interrogado e encaminhado ao Presídio Regional de Caçador

Mais notícias

Mundo

Grupo invade escola, mata policial e sequestra 80 alunos

Ataque é o terceiro sequestro em massa em três meses

Utilidade Pública

Obedecendo todos os protocolos de segurança, loja da Águas de Penha reabre

Colaboradores utilizam equipamentos de proteção e os clientes devem obedecer ao distanciamento entre as pessoas