keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Diretor de Escola de Samba morre em acidente de trânsito em Florianópolis

A vítima trabalhava como motoboy e estava a caminho de uma entrega quando foi atingido por um carro que cortou a sua frente

X

O sambista Paulo Ricardo Patrício, conhecido por ser diretor de bateria da Embaixada Copa Lord, em Florianópolis, morreu em um acidente de trânsito na noite desta quinta-feira (15).

O acidente ocorreu na SC-404, na rodovia Admar Gonzaga, em Florianópolis. A vítima trabalhava como motoboy e estava a caminho de uma entrega quando foi atingido por um carro que cortou a sua frente.

O motorista foi autuado em flagrante por homicídio culposo. Ele foi levado à 5ª Delegacia de Polícia, no bairro Trindade. Segundo a PMRv (Polícia Militar Rodoviária), ele se recusou a fazer o teste do barômetro.

A escola de samba publicou uma nota de pesar em que lamenta a morte de Paulo Ricardo. “Neste momento de dor, toda a comunidade da Embaixada Copa Lord presta solidariedade aos amigos e familiares”, diz o texto.

Fonte: Visor Notícias

Segurança

Veja as fotos de ritual satânico feito por estudante de medicina que matou os pais

O caso é investigado pela Polícia Civil, por meio do Departamento Especializado de Homicídio e Proteção à Pessoa

Segurança

“O diabo desceu até vós, pouco tempo lhes resta”, estudante de medicina mata os pais em suposto ritual satânico

Após matar os pais, o estudante teria ligado para um familiar e dito que tinha “feito uma bobagem”

Segurança

Bebê de 7 meses é baleada no peito durante assalto em SC

Criança estava no colo do pai quando assalto aconteceu

Segurança

Júri popular de homem acusado de matar mulher de Itapema em SP é adiado

Família de Itapema viajou para São Paulo para acompanhar o julgamento, mas receberam a informação que o júri foi adiado

Segurança

Filho da cantora Walkyria é encontrado morto após fazer brincadeira no TikTok com amigo

Comentários no TikTok fizeram o adolescente tirar a própria vida

Mais notícias

Segurança

Veja as fotos de ritual satânico feito por estudante de medicina que matou os pais

O caso é investigado pela Polícia Civil, por meio do Departamento Especializado de Homicídio e Proteção à Pessoa

Segurança

“O diabo desceu até vós, pouco tempo lhes resta”, estudante de medicina mata os pais em suposto ritual satânico

Após matar os pais, o estudante teria ligado para um familiar e dito que tinha “feito uma bobagem”