keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Desenvolvimento Social entrega seis câmaras frias para agricultura familiar no Oeste

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social entregou seis câmaras frias para a agricultura familiar para Chapecó, Pinhalzinho, Bom Retiro, Lages, Canelinha e Xanxerê – uma para cada município. Os equipamentos são para modernizar as […]

X
Divulgação

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social entregou seis câmaras frias para a agricultura familiar para Chapecó, Pinhalzinho, Bom Retiro, Lages, Canelinha e Xanxerê – uma para cada município. Os equipamentos são para modernizar as Centrais de Recebimento da Agricultura Familiar e armazenar a alimentação.

“Como sempre falo, o que estamos fazendo é cuidar das pessoas, essa ação de entrega nos municípios prova isso, o benefício às famílias será de grande impacto, e temos certeza que essa entrega fortalece as famílias e nosso Estado”, relatou o Secretário do Desenvolvimento Social, Claudinei Marques.

As câmaras frias foram entregues aos municípios habilitados no Projeto de Apoio à Modernização das Centrais de Recebimento e Distribuição de Produtos da Agricultura Familiar do governo federal no qual o estado de Santa Catarina foi contemplado em 2014. Os equipamentos também vão garantir condições adequadas de funcionamento, facilitar o acesso ao mercado consumidor e contribuir para o fortalecimento de mercados agroalimentares curtos; além de facilitar a logística e a infraestrutura para que as centrais possam recepcionar, conferir a quantidade e qualidade dos gêneros alimentícios entregues, armazenar e distribuir para o consumo na rede pública de ensino, socioassistencial, saúde, entre outros.

“Esse é um investimento muito importante, que beneficiará tanto o agricultor quanto o consumidor. Ficamos muito felizes em poder fazer essa entrega”, acrescentou o secretário adjunto, Daniel Netto Cândido.

A agricultura familiar é desenvolvida em pequenas propriedades rurais e recebe esse nome porque é realizada por grupos de famílias. A colheita dos produtos é para o consumo das famílias e de parte da população. Nesse processo são utilizadas técnicas de cultivo e extrativismo que englobam práticas tradicionais e de conhecimento popular. Além disso, a agricultura familiar colabora para a geração de renda e emprego no campo e melhora a sustentabilidade das atividades no setor agrícola.

Fonte: Visor Notícias

Geral

Santa Catarina registra segunda morte por febre amarela

Diagnóstico foi confirmado pelo Lacen/SC (Laboratório Central de Saúde Pública)

Geral

Oceanic Atrativos parabeniza Grupo CCR pela concessão do Aeroporto Internacional de Navegantes

Grupo Oceanic possui hoje em Balneário Camboriú três atrativos: o Oceanic Aquarium, Classic Car Show e a Pizza do Pirata

Geral

Ministério Público Federal dá prazo para Casan solucionar novo vazamento de efluentes na Lagoa da Conceição

Após denúncia recebida pelo MPF, a procuradora da República em Santa Catarina Analúcia Hartmann oficiou a companhia, requisitando vistoria e providências imediatas para solução de um extravasamento em tubulação localizada abaixo do trapiche da Cooperbarco.

Geral

Liminar proíbe venda de unidades e publicidade de empreendimento sem registro imobiliário em Porto Belo

Caso a empresa mantenha a publicidade do empreendimento enquanto ele estiver em situação irregular, estarão sujeitos à multa de R$ 50 mil por dia de descumprimento da decisão judicial.

Geral

Preparem os casacos! Frio intenso é previsto para os próximos 15 dias em SC

Termômetros poderão registrar mínimas de até 3°C nas áreas mais altas do Estado

Mais notícias

Economia

Consumo de gás natural em Santa Catarina cresceu 8,5% em março

Entre os setores que utilizam gás natural, o destaque no consumo foi a indústria

Cidades

Audiência Pública discute LDO e PPA em Porto Belo

A Lei de Diretrizes Orçamentárias, - LDO, estabelece as metas e prioridades da Administração Pública para o exercício financeiro seguinte, orientando a elaboração e execução do Orçamento