keyboard_backspace

Página Inicial

Coronavírus

Covid-19: Fiocruz chega a 50 milhões de doses de vacinas entregues

Previsão é que mais 12 milhões de doses sejam entregues este mês

X
Divulgação

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) chegou ontem (4) a 50,9 milhões de doses de vacinas contra covid-19 entregues ao Programa Nacional de Imunizações (PNI). A soma foi atingida com a liberação de mais 3,3 milhões de doses do imunizante Oxford/AstraZeneca.

O número total de entregas inclui 46,9 milhões de doses que foram produzidas no Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos/Fiocruz) e 4 milhões de vacinas importadas prontas do Instituto Serum, da Índia. No segundo caso, a Fiocruz também negociou o envio das doses e realizou a checagem e rotulagem em português dos frascos recebidos.

A fundação anunciou que, a partir da semana que vem, as doses voltarão a ser entregues em duas remessas: na sexta, o estado do Rio de Janeiro receberá sua parcela de doses, e, no sábado, sairá o carregamento para o almoxarifado central do Ministério da Saúde, em São Paulo, de onde as doses são distribuídas para os demais estados e o Distrito Federal. Segundo a Fiocruz, a mudança se deu por um pedido da Coordenação de Logística do Ministério da Saúde.

As doses produzidas em Bio-Manguinhos são fabricadas a partir de ingrediente farmacêutico ativo (IFA) importado da China, como previu o acordo de encomenda tecnológica assinado com a AstraZeneca no ano passado. O último carregamento recebido pela Fiocruz, em 22 de maio, garante as entregas até o início de julho, quando o total produzido e liberado deve chegar a cerca de 62 milhões de doses.

Mais quatro carregamentos de IFA estão previstos para chegar entre junho e julho, garantindo a produção de 100,4 milhões de doses. 

A Fiocruz também trabalha para produzir o IFA no Brasil, o que já está garantido com a assinatura do acordo de transferência de tecnologia assinado nesta semana com a AstraZeneca. Já chegaram ao país os primeiros bancos de células e de vírus que permitirão essa produção, e Bio-Manguinhos prevê iniciar neste mês a fabricação dos primeiros lotes de pré-validação e validação. A vacina produzida com IFA nacional, porém, só deve chegar aos postos de vacinação em outubro.

Fonte: Visor Notícias

Coronavírus

Brasil registra menor média móvel de mortes desde o início da pandemia

Seis meses após o pico da doença, vacinação mostra resultados

Coronavírus

SC começa a semana distribuindo mais de 390 mil doses da vacina contra a Covid-19

O diretor da DIVE, João Augusto Brancher Fuck, alerta, mais uma vez, para a importância da população completar o esquema com as duas doses da vacina contra a Covid-19

Coronavírus

Coronavírus em SC: Matriz de Risco aponta 14 regiões no nível alto e três no moderado

Aumento na Cobertura Vacinal em Santa Catarina permanece sendo um fator essencial na melhora dos indicadores

Coronavírus

‘Dedos de Covid’: Conheça o novo sintoma que aponta infecção do coronavírus

Lesões são causadas como reação do corpo para conter a infecção do coronavírus

Coronavírus

Coronavírus em SC: Estado confirma 1.204.332 casos e 19.475 mortes

Houve uma alta de 54 no número de casos ativos e há 18 óbitos a mais em comparação com o boletim do dia anterior

Mais notícias

Cidades

Pesquisa avalia hipótese de que sombra de prédios em BC traz mais conforto do que desconforto

O objetivo é apurar o modo como as pessoas reagem às condições microclimáticas

Brasil

Polícia prende Galã da Internet que aplicou golpe de R$ 320 mil em mulheres idosas

Ele entrava em contato pelas redes sociais, iniciava um romance e depois fugia com o dinheiro das vitimas