keyboard_backspace

Página Inicial

Saúde

Conheça a síndrome do pescoço de smartphone; entenda

Ficar muito tempo no celular pode causar síndrome de text neck

X
Foto: Pixabay/Divulgação

O celular facilitou a vida em muitos sentidos. Mas, com ele, muitos problemas também surgiram. Com o uso cada vez mais intenso dos aparelhos, seja para trabalhar, redes sociais, paqueras e serviços, ficar bastante tempo no celular é algo que já faz parte de muitas pessoas. Mas, pouca gente sabe, que a forma como nos inclinamos para olhar as telas de celular é errada e por causar uma síndrome chamada text neck (‘pescoço texto’, em português).

Esse problema atinge a coluna cervical e pode trazer alterações irreversíveis na curvatura da coluna. A projeção da cabeça, que é sutil e mal percebemos, também é responsável por dor cervical crônica, torcicolos recorrentes, hérnia de disco cervical, bicos de papagaio, entre outros.

“Fletir a cabeça para a frente e, consequentemente, a coluna cervical traz mais pressão à parte anterior dos discos intervertebrais, o que pode gerar dano a essas estruturas. Nossa coluna não é reta, existem curvaturas fisiológicas que facilitam o seu bom funcionamento. Ao fletir a cabeça, perdemos a lordose fisiológica, podendo ficar retificada e mesmo com inversão da curvatura, ou seja, uma cifose cervical”, explicou o diretor do Hospital Dia Amato e médico neurocirurgião Dr. Marcelo Amato.

O especialista ressalta que, claro, deve-se considerar que a posição incorreta acompanha a humanidade há muito tempo, não sendo apenas os celulares os responsáveis. A postura adotada para leitura ou estudo em mesa plana por estudantes por tempo prolongado, por exemplo, sempre trouxe prejuízo à coluna cervical. Com o boom dos celulares, a queixa aumentou Além disso, o problema não tem faixa etária, atingindo crianças e adolescentes que tem a “situação nitidamente associada à hábitos ruins como sedentarismo, tempo prolongado em jogos eletrônicos e postura inadequada para estudo ou lazer.”

Como evitar o desenvolvimento da síndrome?

Para o Dr. Amato, a regra principal é manter o pescoço neutro, ou seja, os braços devem levar o celular ou tablet para a frente dos olhos. Contudo, essa posição pode cansar braços e, consequente, levar a tensão cervical, portanto, sempre que possível deve-se apoiar os braços ou cotovelos, o que é mais fácil na posição sentada. Para aqueles que já possuem problemas na coluna, a atenção deve ser redobrada ao usar o celular. Fazer atividade físicas pode ajudar a prevenir lesões na cervical.

Fonte: Olhar Digital

Saúde

Hospital Marieta realiza cirurgia de hérnia de coluna endoscópica, novidade na região

Paciente tinha uma hérnia na coluna, foi operado e voltou para casa no mesmo dia

Saúde

Conselho de Medicina de SC alerta que cirurgia de aumento do pênis não tem eficácia

Aumento peniano é ineficaz em homens que tem pênis com dimensões consideradas normais

Saúde

Surto da doença da ‘urina preta’, faz estado proibir consumo de peixes

São mais de 50 casos da síndrome de Half, conhecida como doença da urina preta

Mais notícias

Mercado Imobiliário

Vídeo: Gestão Lucrativa do Tempo é tema da Academia Imobiliária desta semana

No Mercado imobiliário SC, toda semana, nosso consultor, Estevão Guerreiro, apresenta dicas e alternativas para quem já atua no setor e quer vender ainda mais. É a nossa “Academia Imobiliária. Nesta semana o tema foi […]

Mercado Imobiliário

Vídeo: Itapema contará com novo hotel da rede Intercity Hotels

O foco é atender clientes dos mais diversos públicos, mas principalmente àquele hóspede que busca um bom custo benefício para se hospedar em um curto período de tempo.