keyboard_backspace

Página Inicial

Economia

Complexo Portuário de Itajaí e Navegantes alcança em março a maior movimentação já registrada

Marca histórica aconteceu 4 meses após o último registro de maior movimentação

X
Foto: Divulgação Porto Itajaí

No último mês de março, o Complexo Portuário de Itajaí e Navegantes superou suas últimas marcas históricas de movimentação, registrando 151.118 TEUs (unidade de medida equivalente a um contêiner de 20 pés) e 1.752.816 toneladas. Em novembro de 2020, o Complexo Portuário de Itajaí e Navegantes havia registrado sua maior movimentação da história, no qual foram movimentados 139.451 TEUs e 1.665.893 toneladas, números superados em março de 2021.

Em comparação com o primeiro trimestre de 2020, houve um crescimento de 31% na movimentação, já que no primeiro trimestre de 2021 o Complexo movimentou 407.008 TEUs contra 311.225 TEUs no mesmo período do ano passado.

Foram registradas no Complexo, neste primeiro trimestre, 273 escalas e 4.629.185 toneladas movimentadas, apontando um crescimento de 32% em relação ao mesmo período do ano anterior. Nos últimos 12 meses observou-se um crescimento de 19% na movimentação, sendo registrados 1.056 navios com 16.772.741 toneladas, isso no período entre abril de 2020 a março de 2021.

Heder Cassiano Moritz, Diretor Geral de Operações Logísticas do Porto de Itajaí, destaca que a alta nos números de movimentações se deve a Nova Bacia de Evolução. “Antes da Bacia de Evolução nós estávamos perdendo de 30 a 35% de movimentação, hoje nós observamos este crescimento sendo recuperado, tanto na margem direita quanto na esquerda, nos dando ainda mais certeza de que a nova Bacia fez toda a diferença para o Complexo”, conta.

No mês de março deste ano, foram movimentadas na APM Terminals (empresa arrendatária do Porto de Itajaí), o total de 596.759 toneladas, registrando um crescimento de 14% em relação a movimentação do mês de março de 2020, na qual foram movimentadas 524.960 toneladas. No total movimentado no trimestre deste ano, foi identificado 1.532.403 toneladas movimentadas contra 1.451.186 do mesmo período do ano passado, registrando um crescimento de 6% neste trimestre.

Em relação a movimentação em TEUs, no mês de março, a APMT movimentou 48.951 TEUs, registrando um crescimento de 5% em comparação com o mês de março de 2020, no qual foi movimentado 46.552 TEUs.

A Portonave (Terminal Portuário de Navegantes) também registrou números expressivos de movimentação, superando os números do mês de fevereiro de 2021, que já havia sido o mês com a maior movimentação da história do terminal. No último mês de março, o terminal movimentou 102.167 TEUs e 1.141.101 toneladas, suplantando a última marca do terminal, que era de 100.221 TEUs e 1.066.422 toneladas, registrada em de fevereiro. Os números de movimentação do mês de março representam um aumento de 75% em comparação a movimentação do mesmo período do ano passado, no qual foram movimentados 58.317 TEUs.

A Portonave movimentou neste primeiro trimestre 280.858 TEUs, contra 181.183 TEUs movimentados no primeiro trimestre do ano passado, representando um crescimento de 55%. No total do trimestre, a Portonave movimentou 49% do total de cargas registradas no Complexo Portuário de Itajaí e Navegantes. Na APMT, a movimentação foi de 126.150 TEUs, o que representou 31% da movimentação do trimestre. Os terminais Braskarne, Teporti, Poly Terminais e Barra do Rio movimentaram 20% do total registrado.

No que se refere aos números do mês de março, a Portonave totalizou a movimentação de 102.167 TEUs, o que representou 68% da movimentação total de cargas contêinerizadas registrada no Complexo Portuário. Na margem direita, a APMT totalizou a movimentação de 48.951 TEU’s, o que representou 32% da marca histórica de movimentação do Complexo.

“Se este ritmo de movimentação persistir ao longo do ano, o que é extremamente provável, vamos certamente ultrapassar o número já histórico de movimentação anual que conquistamos no ano passado. Isso demonstra que todos os investimentos que foram feitos ao longo dos últimos anos, e, principalmente, no que tange a melhorias no acesso aquaviário, além de outras medidas, se mostraram extremamente acertadas”, pontua o Superintendente do Porto de Itajaí, Fábio da Veiga.

Desde que foi declarado situação de emergência na saúde pública, há mais de um ano, o Município de Itajaí vem estabelecendo medidas de prevenção, controles e contenção de riscos à saúde da população em razão da pandemia da Covid-19. O Porto de Itajaí, assim como o Complexo Portuário num todo, vem mantendo suas atividades em funcionamento proporcionando mensalmente destaque na sua produtividade operacional, gerando emprego e renda para as famílias de Itajaí e ainda dando suporte para todos que atuam na atividade portuária:

“Estamos vivenciando um dos momentos mais difíceis e críticos que a sociedade já presenciou devido ao surto e pandemia do coronavírus, na verdade há mais de um ano, mas, com muito empenho e dedicação, vamos vencer este grande problema, e o nosso porto, vem demonstrando com todo os esforços por parte de nossos trabalhadores portuários o quanto se é necessário garantir a economia do nosso Estado e de nosso país”, finaliza o Prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni.

Fonte: Visor Notícias

Economia

Santa Catarina estima colher 60 mil toneladas de maracujá

O Estado tem aproximadamente 2 mil hectares de pomar da fruta, a maioria concentrada no Sul.

Economia

Arábia suspende compra de carne de ave de 11 frigoríficos do Brasil

Ainda segundo a nota, “apenas o Brasil foi objeto de atualização de lista de exportadores de carne de aves”.

Economia

Pesquisa mostra que 52% dos idosos sustentam a casa no Brasil

Apesar de estarem cada vez mais inseridos no mercado de trabalho, 40% dos idosos que exercem atividade profissional relataram dificuldade para conseguir uma oportunidade de trabalho, sendo o preconceito com a idade o principal motivo identificado

Economia

Saiba se você tem direito ao “Auxílio Catarina”, o auxílio emergencial criado para os catarinenses

Mais de 43 mil famílias catarinenses de baixa renda têm a possibilidade de receber o benefício

Economia

Intenção de investir na indústria de SC cresceu 35% em abril

O número representa uma alta de 35,1% em relação aos 53,2 pontos registrados em março

Mais notícias

Coronavírus

Pela segunda semana seguida, apenas uma região do estado está em nível grave

Não houve alterações de classificação em relação à matriz divulgada no último final de semana

Segurança

Autor de chacina em Saudades recebe alta da UTI

Informação foi confirmada pela assessoria do Hospital Regional de Chapecó