keyboard_backspace

Página Inicial

Economia

Com alta de 4,9% em setembro, setor de serviços cresce pelo quinto mês consecutivo em Santa Catarina

Na comparação com setembro de 2019, Santa Catarina apresentou o único resultado positivo entre os 12 maiores estados produtores de serviços do país, liderando com crescimento de 3,7%

X
Mauricio Vieira/Secom

Santa Catarina registrou no mês de setembro o oitavo maior crescimento do país no volume do setor de serviços, com alta de 4,9% em comparação com agosto, mês no qual já havia crescido (3,4%), na série com ajuste sazonal. O Estado ficou atrás do Amazonas (5,4%), Alagoas (6,1%), Pará (6,5%), Rio Grande do Norte (6,7%), Roraima (8,4%), Mato Grosso do Sul (9,1)% e Piauí (11,9%), e acima da média nacional, que foi de 1,8%. Os dados foram apresentados na manhã desta quinta-feira, 12, na Pesquisa Mensal do Serviço (PMS), divulgada pelo IBGE.

Na comparação com setembro de 2019, Santa Catarina apresentou o único resultado positivo entre os 12 maiores estados produtores de serviços do país, liderando com crescimento de 3,7%. Quando comparado com todos os estados brasileiros, o Estado apresentou o quarto melhor resultado.

Os destaques para as maiores contribuições positivas, entre as cinco atividades pesquisadas, se comparado setembro deste ano com o mesmo período de 2019, foram: serviços profissionais, administrativos e complementares (25,8%), outros serviços (8,5%) e transportes, serviços auxiliares aos transportes e correio (5,7%). Os serviços prestados às famílias, no entanto, retraíram 22,9%, nesta comparação.

 “Os números de setembro confirmam que todo o processo de retomada vem trazendo resultados positivos. Santa Catarina expandiu mais que Paraná (+2,6%) e Rio Grande do Sul (+4,0%), quando se trata do segmento de serviços. Mas, sabemos que o setor no Estado está sendo o mais impactado pela pandemia. Sigamos confiantes no crescimento catarinense”, pontua a diretora de empreendedorismo e competitividade, Aline Ghisi.

Atividade turística

O índice de atividade turística no país cresceu 11,5%, frente a agosto, quinta taxa positiva seguida, período em que acumulou ganho de 88,8%. Santa Catarina apontou um crescimento de 17,9% em relação ao mês anterior (17%). Foi a segunda alta consecutiva e a quarta desde maio.

Fonte: Visor Notícias

Economia

Pesquisa revela potencial catarinense para produzir café especial

A cafeicultura já foi uma atividade de expressão econômica em Santa Catarina. Prova disso é a bandeira do Estado, criada em 1895, que traz a imagem de um ramo de café com frutos.

Economia

Cooperativa de SC é destaque em ranking promovido pelo Ministério da Economia

Reconhecido pelo rigor técnico aplicado em suas avaliações, o levantamento reúne algumas das maiores instituições financeiras e consultorias de economia do país.

Economia

Porto de Itajaí abre 2021 com 6% de crescimento na movimentação em toneladas

Complexo Portuário de Itajaí e Navegantes registra 18% de aumento

Economia

Porto Belo desponta no cenário imobiliário impulsionada pela qualidade de vida

O perfil do consumidor mudou bastante, com um aumento de até três dígitos no valor investido para estes produtos

Economia

Sindicato de hotéis de BC apoia plano de aceleração do desenvolvimento econômico

Na manhã desta segunda-feira (22), a Secretaria de Turismo de Balneário Camboriú apresentou o plano de aceleração para o desenvolvimento econômico e turístico do município, intitulado BC 4 Estações. A apresentação aconteceu no Hotel Sibara e […]

Mais notícias

Geral

Governador decreta lockdown em Santa Catarina

O Governo do Estado anunciou novo decreto nesta quinta-feira, 25, suspendendo o funcionamento de serviços não essenciais das 23h desta sexta-feira, 26 de fevereiro, até as 06h de segunda-feira, 1º de março. A decisão é […]

Coronavírus

Itajaí suspende aulas e limita atendimentos no comércio até as 22h

Restrições têm objetivo de frear avanço da pandemia e reduzir o contágio