keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Cidade na Serra Catarinense investe em faixas de pedestre 3D

A Prefeitura da cidade de Urupema, na Serra Catarinense, implantou três faixas de pedestres com pinturas em 3D. A inovação se fez necessária para economizar o valor que seria gasto na implantação de faixas elevadas. […]

A Prefeitura da cidade de Urupema, na Serra Catarinense, implantou três faixas de pedestres com pinturas em 3D. A inovação se fez necessária para economizar o valor que seria gasto na implantação de faixas elevadas.

Pinturas similares já foram feitas em outras cidades do Brasil no Mato Grosso, Acre e São Paulo. Além disso, a faixa 3D já é tendência em outros países, como na China, Índia, Geórgia e Islnadia.

A ilusão de ótima serve como fator a mais para fazer o motorista reduzir a velocidade e permitir a passagem dos pedestres. O orçamento de Urupema para três faixas elevadas estava em R$ 9mil, com as três pinturas, a Prefeitura gastou cerca de R$ 1,5 mil.

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Geral

Familiares se despedem do jornalista Dom Phillips em Niterói

Família disse que seguirá atenta aos desdobramentos das investigações

Geral

Quina de São João: Moradores de Bombinhas, Itajaí, BC e Camboriú ganham prêmios

Cerca de 32 apostas de SC acertaram na Quina de São João

Geral

Mega-Sena: Quatro apostas de SC ganham mais de R$ 30 mil

Apenas um jogo, do Estado de São Paulo, acertou seis números e vai receber o prêmio de R$ 78 milhões

Geral

VÍDEO: Presidente Jair Bolsonaro manda abraço para Itapema

Bolsonaro esteve no evento acompanhado da primeira-dama Michelle Bolsonaro

Mais notícias

Segurança

Polícia Civil investiga morte de bebê de cinco meses em Criciúma

Óbito ocorreu dentro de casa na noite de sexta-feira (24)

Geral

Familiares se despedem do jornalista Dom Phillips em Niterói

Família disse que seguirá atenta aos desdobramentos das investigações