keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Catarinense foragido por homicídio é preso no Paraguai mantendo a filha refém

A adolescente foi abrigada em uma casa em Ciudad Del Este e aguarda na companhia da mãe os trâmites legais pelas autoridades do Paraguai para retornar para Santa Catarina

Divulgação

Uma ação conjunta da Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Polícia da Comarca de Dionísio Cerqueira, da Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR, da Divisão de Apoio à Investigação do Centro Integrado de Operações de Fronteira (DAI/CIOF)/SEOPI/MJSP e com cooperação policial internacional, resultou na prisão de um foragido da Justiça de Chapecó e no resgate de uma adolescente que estaria sendo sendo mantida em cárcere privado no Paraguai.

Na tarde de sábado (18), integrantes do Comando Tripartito- Delegación Paraguaya e ainda, do Departamento Antisecuestro de Personas. Comisaría N° 8- Minga Guazú, ambas Unidades da Polícia Nacional, diligenciaram até uma propriedade rural do distrito Minguero, cidade de Minga Guazú, Paraguai, onde realizaram a prisão de um homem de nacionalidade brasileira, foragido da Justiça de Chapecó condenado pela prática de homicídio doloso.

No local, o foragido vinha mantendo a filha de 12 anos em cárcere privado. Além disso, foram constatados fortes indícios de que a adolescente vinha sendo vítima de violência sexual pelo pai. A adolescente foi abrigada em uma casa em Ciudad Del Este e aguarda na companhia da mãe os trâmites legais pelas autoridades do Paraguai para retornar para Santa Catarina. Já o pai dela é foragido da Justiça de Chapecó e se encontra preso no sistema prisional daquela cidade paraguaia, tendo em vista os crimes praticados contra a própria filha.

No dia 28 de abril de 2022, a mãe da adolescente procurou a Delegacia de Polícia de Dionísio Cerqueira/SC , tendo relatado que o ex esposo, ao simular que conduziria a filha até a escola, acabou subtraindo a menor e a conduziu até a região da tríplice fronteira de Foz do Iguaçu/PR.

Condenação por homicídio

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Polícia da Comarca de Dionísio Cerqueira, representou pela expedição de busca e apreensão da adolescente para fins de restituição ao lar da mãe. Após a manifestação favorável do Ministério Público, a Justiça autorizou a medida. Além disso, descobriu-se que o pai figurava como foragido da Penitenciária da Chapecó, pois possui condenação criminal pela prática de homicídio doloso.

Com o trabalho de investigação da Delegacia de Polícia de Dionísio Cerqueira, descobriu-se o paradeiro do foragido e, após a troca de informações, assim como a união de esforços, foram possíveis a localização e a prisão do foragido da Justiça, assim como o resgate da adolescente.

Os trabalhos envolveram a Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Polícia da Dionísio Cerqueira, a Divisão de Apoio à Investigação do Centro Integrado de Operações de Fronteira (DAI/CIOF)/SEOPI/MJSP, a Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR e ainda, o Comando Tripartito- Delegación Paraguaya e Departamento Antisecuestro de Personas. Comisaría N° 8- Minga Guazú, ambas da Polícia Nacional do Paraguai.

Fonte: Visor Notícias

Experimente um jeito prático de se informar: tenha o aplicativo do Visor Notícias no seu celular. Com ele, você vai ter acesso rápido a todos os nossos conteúdos sempre que quiser. É simples, intuitivo e gratuito!

Segurança

Polícia Civil investiga morte de bebê de cinco meses em Criciúma

Óbito ocorreu dentro de casa na noite de sexta-feira (24)

Segurança

Mulher é jogada para fora do carro em movimento pelo marido em SC

Marido continuou as agressões em casa, onde a vítima acionou socorro

Segurança

Motociclista morre após ser atingido por veículo em Blumenau

Motociclista foi identificado como Marcos Roberto Ronchi de 37 anos

Segurança

Polícia é chamada após mulher embriagada tentar agredir marido com machado em SC

Homem contou que ele acionou os policiais para apaziguar a briga entre o casal

Mais notícias

Segurança

Polícia Civil investiga morte de bebê de cinco meses em Criciúma

Óbito ocorreu dentro de casa na noite de sexta-feira (24)

Geral

Familiares se despedem do jornalista Dom Phillips em Niterói

Família disse que seguirá atenta aos desdobramentos das investigações