keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Casal que teria feito sexo na frente de crianças e intoxicado uma delas com drogas em motel é denunciado pelo MP

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) apresentou à Justiça denúncia contra um casal que teria ido ao motel levando os dois filhos da mulher, em Jaraguá do Sul. No local, na frente das crianças, […]

X
Imagem Ilustrativa/Visor Notícias

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) apresentou à Justiça denúncia contra um casal que teria ido ao motel levando os dois filhos da mulher, em Jaraguá do Sul. No local, na frente das crianças, o casal teria praticado atos sexuais e utilizado drogas. Com acesso facilitado, uma das crianças teria consumido drogas e, em função disso, precisado de atendimento emergencial no Hospital e Maternidade Jaraguá.

A denúncia foi apresentada pela 4ª Promotoria de Justiça da Comarca de Jaraguá do Sul. Na peça, o Promotor de Justiça Marcelo José Zattar Cota relata os fatos ocorridos na madrugada de 8 de julho deste ano que culminaram com o atendimento emergencial da criança de 2 anos, com risco de vida por suposta ingestão de drogas.

Conforme os autos da prisão em flagrante, o casal teria ido a um motel no bairro João Pessoa e levado consigo os dois filhos da mulher, de 2 e 4 anos de idade. No quarto, o homem e a mulher teriam passado a praticar atos sexuais e a usar entorpecentes – maconha, cocaína e ecstasy – na frente das crianças.

Além disso, os denunciados, de forma consciente e voluntária, assumiram o risco de ofender a integridade física das crianças, permitindo que tivessem acesso às drogas – o que efetivamente ocorreu com o mais novo, de apenas 2 anos, ocasionando-lhe as lesões corporais graves descritas em receita médica e na comunicação do Hospital e Maternidade Jaraguá – consistente em intoxicação  por ingestão de drogas – e a expondo a perigo de vida.

Assim, o Promotor de Justiça sustenta que o casal teria praticado três crimes: satisfação de lascívia mediante presença de criança ou adolescente, lesão corporal e expor a vida ou a saúde de outrem a perigo direto e iminente.

O homem, que ao ser surpreendido pela Polícia Militar na garagem do motel não atendeu à ordem de parada e correu para trancar-se no quarto, o que levou à necessidade de arrombamento para prendê-lo, também foi denunciado pelo crime de desobediência.

A denúncia do MPSC aguarda o recebimento pela pelo Juízo da 1ª Vara Criminal da Comarca de Jaraguá do Sul. Se recebida, o homem e a mulher tornam-se réus em ação penal, na qual terão amplo direito à defesa e ao contraditório. Os nomes dos envolvidos não são divulgados pois a ação está em segredo de justiça, conforme determina o Estatuto da Criança e do Adolescente.

Fonte: Visor Notícias

Segurança

Casal é encontrado morto dentro de casa após idosa cadeirante se arrastar para pedir ajuda

Populares conseguiram ajudar a idosa que se arrastou até a entrada do sítio

Segurança

Receita Federal apreende 500 kg de cocaína com destino à França no Porto de Navegantes

Meia tonelada de cocaína estava dentro de um container no porto de Navegantes, no Vale do Itajaí

Segurança

Novas revelações sobre morte do MC Kevin aponta que amigo incentivou cantor a se pendurar em prédio

Nova testemunha diz ainda que MC VK ignorou pedidos de socorro de MC Kevin

Segurança

Cachorro morre após ser amarrado no trilho de trem em SC

Animal chegou a ser resgatado com vida, mas morreu em uma clínica veterinária

Mais notícias

Coronavírus

Você tem 30 anos ou mais? Saiba como se vacinar contra a Covid-19 em Porto Belo

Porto Belo vacina pessoas com 30 anos ou mais a partir de agendamento

Brasil

Mulher vai para o hospital com cólica e descobre que estava em trabalho de parto

A mulher foi para o hospital após sentir cólicas, quando descobriu a gravidez