keyboard_backspace

Página Inicial

Cidades

Camboriú zera fila por audiometria

Dados do Cerfis mostram que fila de audiometria zerou no município. Quase 400 moradores foram atendidos este ano na especialidade.

 
O Centro de Reabilitação e Fisioterapia (Cerfis) de Camboriú zerou a fila de avalições de audiometria – exame para detecção de alterações auditivas – na última semana de setembro. Com cerca de dez atendimentos diários, a unidade especializada supriu a demanda existente desde o início de 2016. Quase 400 moradores foram atendidos durante este ano.
 
Segundo o fisioterapeuta e coordenador do Cerfis, Renato Augusto Poncelet, quem precisar realizar as avalições consegue agendamento imediato. “Trabalhamos com a referência vinda das Unidades Básicas de Saúde. Assim, agendamos os exames após solicitação de um otorrinolaringologista ou neurologista da rede. Com a higienização da fila de espera, conseguimos ofertar mais agilidade no tratamento de alterações do sistema auditivo e detectar com brevidade, por exemplo, se alguém tem a necessidade do uso de um aparelho auditivo ou possui déficit de atenção impulsionado por isso”, enfatiza.
 
Foram realizados no Centro de Reabilitação e Fisioterapia, entre 1° de janeiro e 31 de agosto, 9.673 atendimentos. Os meses de maio, julho e junho são os com maior assistência: 1.602, 1.430 e 1.417, respectivamente. Dados repassados pela coordenação do local mostram ainda que sessões para tratar casos de lombalgia (dores na coluna) e tendinopatia (inflamações musculares) figuram como as mais recorrentes durante os oitos meses.
 
Dentre outras informações levantadas, estão a predominância de atendimentos para pessoas entre 45 e 70 anos de idade; e moradores do Centro, Monte Alegre, Areias e Rio Pequeno. Além disso, é maior a procura de mulheres pelo serviço.
 
Mirian Valeriano Cavalcante, de 36 anos, sofreu um acidente de trânsito em dezembro e precisou colocar 13 pinos no braço esquerdo. Em cerca de um mês após a cirurgia, a moradora foi chamada para avaliação e iniciou o tratamento. Para melhorar as funções motoras, são feitos exercícios de mobilização do punho e de aumento da amplitude de movimento. Segundo ela, a assistência ofertada já surte efeitos e a auxilia em atividades comuns. “Depois da primeira sessão, já consegui mexer a mão e os dedos, coisas que eu não conseguia logo após o acidente”, enfatiza.
 
Centro especializado em tratamento fisioterapêutico
 
O Cerfis de Camboriú atende pessoas que necessitam de tratamento fisioterapêutico ou fonoaudiológico, referenciados pela Atenção Básica. Para ser atendido na unidade, é necessário que o moradores se consultem com um médico clínico-geral na Unidade Básica do bairro em que residem. Se for identificada a necessidade, o profissional irá encaminhar o paciente para o Centro e, após agendamento, ele entrará na fila de espera. Assim que chamado, o paciente passará por uma avaliação e iniciará as sessões – cerca de dez, podendo aumentar de acordo com a análise da fisioterapeuta para cada caso.
 
Sete fisioterapeutas e três fonoaudiólogos integram a equipe do Cerfis. Para propiciar ainda mais o bem-estar aos pacientes, o Centro possui um carro que faz o deslocamento de pacientes cadeirantes e impossibilitados de se locomoverem sozinhos. A unidade especializada está localizada na R. Porto Alegre, n° 674, no Centro. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 7 às 18 horas – sem fechar para o almoço.

Cidades

Defesa Civil reforça alerta de chuva forte e persistente com risco de alagamentos e deslizamentos em SC

Alerta vale desta terça-feira (19) até quinta-feira (21) para o Litoral e Vale do Itajaí

Cidades

Águas de Bombinhas comemora investimentos e o melhor abastecimento no fim de ano

A empresa investiu em melhorias, reforços de rede, simulações e limpezas ao longo do ano

Cidades

FAACI vai realizar oficinas do Plano de Manejo do Refúgio da Vida Silvestre

Inscrições devem ser feitas por telefone com Matheus Morganti Baldim (048) 99123-3132

Cidades

Funcionário que recusar vacina contra o coronavírus pode ser demitido por justa causa, diz especialista

Num cenário em que o Poder Público imponha medidas restritivas para incentivar a vacinação contra a Covid-19, caso uma empresa adquira doses para proteger a equipe e um funcionário recuse a imunização, a situação pode […]

Cidades

Leão-marinho faz visita à praia da Tainha, em Bombinhas

Um leão-marinho fez uma visita à praia da Tainha, em Bombinhas, neste final de semana. O animal descansava nas pedras no costão.  O projeto de Monitoramento das Praias da Univali explicou que o animal é […]

Mais notícias