keyboard_backspace

Página Inicial

Cidades

Câmara de Itapema realiza Audiência Pública para discutir mobilidade urbana

Um tema que ganha ainda mais peso a cada temporada de verão – quando congestionamentos e a dificuldade de circular por Itapema e região incomodam turistas e moradores – a Mobilidade Urbana, é o que vai estar em pauta esta noite, no plenário da Câmara de Itapema, a partir das 19h.

Através de uma Audiência Pública, o Poder Legislativo quer ouvir a sociedade diante da proposta da Prefeitura de Itapema, que cria uma novo Plano de Mobilidade Urbana na cidade, o chamado PlanMob. A matéria está em tramitação na Câmara, através do Projeto de Lei Executivo nº 19/2017.

 A mobilidade urbana refere-se às condições de deslocamento da população no espaço que abrange toda a cidade. O termo é geralmente empregado para referir-se ao trânsito de veículos e também de pedestres, seja através do transporte individual (carros, motos, etc.), seja através do uso de transportes coletivos (ônibus, metrôs, etc.). A busca pelo equilíbrio de todos esses fatores, para que a circulação de carros e pedestres tenha um fluxo adequado, é o grande desafio da administração pública.

 

Cidades

Vaquinha arrecada dinheiro para criança atropelada por moto em Camboriú

A família pede ajuda financeira e de materiais para o uso da menina

Cidades

VÍDEO: Caminhão carregado de cerveja perde o freio e tomba na descida do morro de Bombas

Fotos e vídeos mostram a carga de cerveja despejada na pista e muitos curiosos em volta

Cidades

Trabalhadores ficam feridos após caírem de aproximadamente 8 metros em Tijucas

Testemunhas afirmam que os trabalhadores estava com equipamentos de proteção individuais (EPIs)

Cidades

Pedágios caros inviabilizam concessão das rodovias federais catarinenses, diz governo federal

Planos de concessão para as rodovias BR 153, 470, 282 e 280 foram revogados, segundo o secretário Nacional de Transportes Terrestres do Ministério da Infraestrutura, Marcello da Costa Vieira

Cidades

Pesquisa aponta Santa Catarina como destino seguro mesmo durante a pandemia

Entre os que avaliaram o Estado como totalmente seguro, 41% pretendem viajar ainda no segundo semestre de 2020

Mais notícias