keyboard_backspace

Página Inicial

Cidades

Blumenau determina fechamento de bares, restaurantes, shopping e academias

Prefeitura de Blumenau anunciou novas restrições dentro da cidade em uma tentativa de diminuir a curva de contágio do novo coronavírus no município. As novas regras foram anunciadas nesta segunda-feira (20) e passam a valer na terça (21).

As restrições decretadas são mais severas: não poderão abrir na cidade os shoppings, salões de beleza, comércios de rua, galerias e barbearias. O impedimento vale por sete dias, mas pode ser prorrogado no fim desse tempo. Os bares, restaurantes, food parks, lanchonetes, adegas, tabacarias e similares também não podem funcionar neste período. Serviços de delivery permanecem permitidos.

Além dos seguimentos listados acima, as academias e clubes sociais também devem fechar a partir desta terça. Os estabelecimentos que podem ficar abertos são as lojas de material de construção e os serviços essenciais, como supermercados, farmácias, agropecuárias e postos de combustíveis. Todos esses comércios precisarão respeitar o limite de 40% da capacidade estabelecida pelo Corpo de Bombeiros.

A atividade industrial e as obras públicas e privadas poderão ser mantidas sem restrição de pessoal, porém deverão seguir rigorosamente as medidas de distanciamento, higienização e uso de equipamentos de proteção individual.

Cidades

Governo de SC lança ‘Balanço Cidadão’ com informações das contas públicas

Contas do Governo Estadual de 2019 foram aprovadas por unanimidade pelo Tribunal de Contas do Estado

Cidades

Governo cria regramentos para retorno das casas noturnas no Estado

Locais também devem realizar diariamente procedimentos que garantam a higienização dos ambientes

Cidades

Motorista de carro funerário morre em acidente na BR-282

O acidente envolveu um carro funerário, uma motocicleta e um caminhão carregado com carga de frango

Cidades

Decreto que cria Lei do Mecenato prevê R$ 75 milhões para o setor cultural

Setor cultural catarinense receberá R$ 4 milhões por meio de auxílio emergencial,

Mais notícias