keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Bar é condenado por dano moral ao debochar de cliente que reclamou de troco errado

Uma consumidora de Blumenau será indenizada por dano moral após sofrer constrangimentos impingidos por estabelecimento comercial da qual era cliente assídua. O ambiente do confronto se deu através das redes sociais. Foi lá que, inicialmente, […]

X
Foto: Agência Brasil

Uma consumidora de Blumenau será indenizada por dano moral após sofrer constrangimentos impingidos por estabelecimento comercial da qual era cliente assídua. O ambiente do confronto se deu através das redes sociais. Foi lá que, inicialmente, a mulher reclamou de costumeiramente receber o troco errado, sempre a menor, em suas compras. A situação, acrescentou, lhe trazia incômodo pela sensação de desrespeito na condição de consumidora.

No contra-ataque, conforme os autos, o bar teria respondido ao desabafo da cliente de forma agressiva e debochada, com publicações em suas contas que expunham a mulher ao ridículo. Entre elas, o lançamento de uma pretensa promoção de cerveja ao preço de R$ 0,10 – montante equivalente ao troco reclamado pela consumidora em suas transações com o estabelecimento. O bar contestou a ação e requereu a condenação da cliente ao pagamento de indenização por danos morais, pela publicação de conteúdo difamatório nas redes sociais.

“Percebe-se pelas mensagens postadas, que o `desabafo’ da parte autora teve grande repercussão, sobretudo pelo fato de a ré ter usado da (sua) indignação (…) para fazer marketing, ou seja, a maneira que a ré conduziu a resolução do problema agravou o desconforto sofrido no estabelecimento. Ademais, a ré utilizou em suas publicações um tom agressivo e posteriormente debochado, a fim de denegrir a imagem da autora”, anotou o juiz Luciano Fernandes da Silva, em sentença proferida por meio do Programa APOIA, da Corregedoria-Geral de Justiça, cuja tramitação ocorreu na 3ª Vara Cível da comarca de Blumenau.

O bar foi condenado ao pagamento de R$ 2 mil, a título de dano moral, valor corrigido monetariamente e acrescido de juros de mora à razão de 1% ao mês, desde o dia do evento danoso, ocorrido em 16 de junho de 2011.

Fonte: Visor Notícias

Geral

Porsche de Maradona na década de 1990 vai a leilão

Craque usou o veículo quando defendia o Sevilla (ESP), entre 1992-93

Geral

Março será mês chuvoso em SC, indicam meteorologistas

Os próximos dias terão pancadas de chuva em todas as regiões do estado, com nebulosidade variável. As informações são da Epagri/Ciram.

Geral

Iniciada a pavimentação da rua 440 em Itapema

Os moradores da Rua 440, no Bairro Morretes, iniciaram a terça-feira (02/03) com o movimento das máquinas e das equipes. Nesta etapa, os trabalhos são de fresagem e nivelamento do solo para em seguida realizar  […]

Geral

Acidente que vitimou o Mamonas Assassinas completa 25 anos

O jatinho onde estavam se chocou contra a Serra da Cantareira, em São Paulo

Geral

Vídeo: Família de capivara atravessa a rua em Santa Catarina

Apesar de atravessar a via fora da faixa, os motoristas respeitaram a família que, sem pressa, se deslocava de um lado a outro

Mais notícias

Coronavírus

Deputada Paulinha defende a imunização em massa da população

Ela participou da reunião da Fecam que reuniu mais de 70 gestores de municípios de Santa Catarina

Política

Conselho de Ética notifica deputados Daniel Silveira e Flordelis

Parlamentares têm dez dias úteis para apresentar defesa