keyboard_backspace

Página Inicial

Cidades

Alunos de Camboriú conhecem cães da PM

Ação visa desmistificar visão de crianças, além de fortalecer ainda mais os laços entre Polícia e Comunidade pelo programa Rede de Segurança Escolar

 

Escolas de Camboriú envolvidas com o programa Rede de Segurança Escolar, realizado pela Polícia Militar de Santa Catarina, têm recebido a visita de cães policiais ao longo dessa semana. A passagem é uma estratégia para aumentar o contato entre a PM e as crianças, por meio de uma figura tida por muitos como o melhor amigo do homem. Todas as 29 unidades de ensino ligadas ao projeto serão contempladas.
 
São cinco cachorros policiais, conhecidos como K9, que têm participado destas ações. Durante as visitas, são demonstradas algumas habilidades e pontuadas as funções exercidas pelos cães – que vão desde a abordagem até a proteção dos policiais e imobilizações.
 
O subcomandante da Companhia de Camboriú, 2° Tenente Lucas Ribeiro Figueira, comenta que, muitas vezes, as crianças possuem uma visão negativa sobre os policiais e que, por meio da aproximação, é possível desmistificar isso. “Essa integração é uma maneira de ampliar a visibilidade do trabalho feito pela PM. Muitas das crianças são de regiões carentes e veem a imagem do policial como alguém amedrontador, que só aparece em momentos ruins. Queremos mostrar que trabalhamos, na verdade, pela segurança e bem estar de todos”, pontua.
 
A escola municipal Andrônico Pereira é uma das unidades escolares que já recebeu a visita de um cão policial. A diretora Marisa Pereira Gasparac, acredita que o propósito da ação está sendo alcançado. “As crianças adoraram a visita do Yankee, cão da PM. Elas, normalmente, tem receio da figura dos policiais, mas isso vai mudando com esse contato. Só de perceber a forma como reagiam no início e no fim da interação isso ficou claro. Só temos que parabenizar essa e as demais iniciativas da Rede de Segurança Escolar”, enfatiza.
 
A Rede de Segurança Escolar
 
A Rede de Segurança Escolar estreita o contato da PM com escolas e a comunidade escolar por meio de rondas, visitas e comunicação com grupos no WhatsApp. O objetivo é desenvolver ações de apoio e assessoria de segurança. Além disso, o programa tem como foco fortalecer vínculos e prevenir crimes e infrações no ambiente escolar – e em volta dele. O projeto está em execução em todo o estado. Em Camboriú, envolve 29 escolas – públicas, estaduais e particulares.

Cidades

Apresentador Ratinho passa final de semana em Itapema, visita a prefeitura e compra sapatos em São João Batista

O empresário e apresentador de televisão Carlos Massa, o Ratinho, passa o final de semana em sua casa em Itapema. Ele é mais uma das celebridades que escolheu Itapema e o litoral de Norte de […]

Cidades

Caminhão tomba na BR-101 e deixa criança em estado grave

Menino foi encaminhado ao Pronto Atendimento de Garuva

Cidades

Vídeo: Jacaré ataca cachorro e acaba morto por moradores no litoral catarinense

Um Jacaré foi morto por moradores da Localidade de Barra do Saí, em Itapoá, depois que ele atacou o cachorro de uma moradora. Com mais de dois metros de comprimento o animal largou o cão, […]

Cidades

Corpo de idosa é trocado em hospital e enterrado em cova coletiva por engano

O corpo de uma idosa foi enterrado por engano no lugar de outro morto na segunda-feira (11), em Belo Horizonte, Minas Gerais. O caso foi descoberto na terça-feira (12), quando sua família aguardava a liberação […]

Cidades

Usado como arma em assalto, Pitbull está à procura de um novo lar

Uma campanha que começou nesta quarta-feira (13) em Timbó, no Médio Vale do Itajaí, busca encontrar um lar para um pitbull. Mas não é qualquer animal: isso porque o cachorro que motiva essa mobilização foi […]

Mais notícias