keyboard_backspace

Página Inicial

Segurança

Alerta: vídeo estimula crianças a “adorar satanás”

Circula nas redes sociais vídeos de um homem utilizando filtro que simula a personagem Elsa, do desenho animado Frozen, do Walt Disney, e  com mensagem para crianças “adorarem satanás”.  O caso veio à tona depois que famílias […]

X

Circula nas redes sociais vídeos de um homem utilizando filtro que simula a personagem Elsa, do desenho animado Frozen, do Walt Disney, e  com mensagem para crianças “adorarem satanás”.  O caso veio à tona depois que famílias de Brasília procuraram a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF). O vídeo se espalhou rapidamente pelo país pq eu tem preocupado muitos pais. (Veja o vídeo no Facebook do Visor)

A gravação, feita por meio do aplicativo TikTok e compartilhada no Instagram por um youtuber de São Paulo, beira a prática de crime, segundo investigadores da Delegacia de Repressão a Crimes Cibernéticos (DRCC). Com linguagem infantil e voz anasalada, o autor do vídeo leva poucos segundos para passar a mensagem. “Oi, crianças! Sou eu, a Elsa. Hoje vou ensinar a vocês a fazerem uma arte muito bonita na casa de vocês. Vamos aprender?”, diz o homem.

Na mesma gravação, a “Elsa desvirtuada” continua. “Para isso, vamos precisar de canetinha e molho de tomate. Com a canetinha, vocês vão desenhar várias estrelas como essas (pentagramas que simbolizam a marca da besta) nas paredes da casa de vocês. Vocês puderam perceber que a pontinha tá virada pra baixo? E, com o molho de tomate, vocês vão contornar o desenho. Se alguém perguntar por que vocês fizeram isso, vão responder: ‘pela glória de Satã, é claro!’”, diz.

Conteúdo negativo

Segundo o delegado-chefe da DRCC, Giancarlos Zuliane, a corporação teve conhecimento sobre o compartilhamento dos vídeos nas redes sociais durante troca de informações com a Polícia Civil paulista. “Existem apurações que estão em andamento, apesar de nós termos acompanhado a disseminação desse conteúdo”, explicou o delegado.

O chefe da DRCC destacou que o autor dos vídeos é um youtuber que postou os vídeos em seu perfil no Instagram. “Os vídeos são diferentes do Pateta, que estimulava o suicídio e a automutilação. Isso não ocorre com a Elsa. No entanto, o vídeo beira a prática de delitos, principalmente no que diz respeito à apologia de crimes. Com certeza, é um péssimo conteúdo, que nenhuma rede social gostaria de hospedar”, afirmou Zuliane.

Já o delegado Dário Taciano de Freitas Júnior, afirmou que o crime mais próximo no qual os vídeos se encaixam seria no artigo 286 (apologia ao crime). “Mesmo assim é um conteúdo dúbio especialmente para crianças”, disse.

Conforme divulgado pelo Metrópoles, apurou que o autor dos vídeos registrou ocorrências policiais em São Paulo, após sofrer ameaças de morte, em razão da disseminação das imagens. A reportagem procurou o TikTok para saber se a conta dele será removida. A matéria será atualizada tão logo a empresa se manifeste.

Fonte: Metrópoles

Segurança

Morre no hospital mulher que foi espancada pelo marido em Campos Novos

Vítima teve morte cerebral causada pelo traumatismo craniano

Segurança

Jovem sofre choque elétrico enquanto sacava dinheiro em caixa eletrônico de SC

Jovem chegou a desmaiar no local após o choque e foi levado pelos bombeiros ao hospital

Segurança

Menino de 12 anos atinge o pai com facão ao ver ele agredindo a mãe

Homem chegou em casa bêbado e começou a bater na esposa

Segurança

Criança de três anos é resgatada com parada cardíaca após prender a cabeça em grade de Itajaí

O caso foi registrado após trabalhadores de uma obra notar o menino pendurado no local

Mais notícias

Geral

Alterações de trânsito na Marginal Oeste em Itapema são adiadas para próxima segunda-feira

Além disso, a rua 414 será sentido bairro Morretes e a rua 416 sentido Marginal Oeste

Turismo

Mirante do Encanto completa nove anos nesta terça-feira

Mirante do Encanto tem 26 metros de altura e sua base está 130 metros acima do nível do mar