keyboard_backspace

Página Inicial

Geral

Agência Espacial Europeia recruta astronautas para viagem à Lua

O projeto dará oportunidade, de seguir uma carreira de astronauta, "a uma parte da sociedade que foi até agora excluída do voo espacial"

X
Foto: Nasa

A Agência Espacial Europeia (ESA) lança na próxima semana uma campanha de recrutamento de astronautas nos Estados-membros, para uma nova viagem à lua. O anúncio foi feito nesta terça-feira (9) pela ESA, em comunicado.

Os detalhes sobre as condições de recrutamento serão conhecidos na próxima terça-feira (16), e as inscrições poderão ser feitas entre 31 de março e 28 de maio. O processo de seleção estará dividido em seis etapas e deverá estar concluído em outubro.

Paralelamente, a agência lança um projeto piloto que prevê a escolha de um parastronauta, “o primeiro astronauta com algum nível de deficiência”, diz o documento.

O projeto dará oportunidade, de seguir uma carreira de astronauta, “a uma parte da sociedade que foi até agora excluída do voo espacial”, destacou a organização, acrescentando que é a primeira vez na história que uma agência espacial assume um projeto inclusivo como esse.

A campanha de recrutamento de astronautas faz parte de uma estratégia mais abrangente da ESA, que visa a mostrar “um número elevado de oportunidades de trabalho” dentro da organização.

O objetivo é recrutar cerca de 100 pessoas anualmente durante os próximos dez anos. A agência afirmou que espera atrair maior número de mulheres este ano, indicando que em 2009 foram aceitas 1.430 candidatas, em um total de 8.413.

David Parker, diretor de Exploração Humana e Robótica, citado no documento da organização, defendeu que a diversidade na ESA não deve apenas abordar a origem, idade, experiência ou sexo dos astronautas, mas “talvez também deficiências físicas”.

“Graças a um forte mandato dos Estados-membros da ESA no último conselho ministerial em 2019, a Europa está ocupa o seu lugar no centro da exploração espacial”, disse a agência no comunicado. “Para ir onde nunca antes fomos, precisamos olhar mais longe do que antes”.

Fonte: Agência Brasil

Geral

Papa Francisco deixa o Iraque após visita de três dias

Os cristãos no Iraque são atualmente 01% da população, depois de terem constituído cerca de 06% dos habitantes do país, há duas décadas.

Geral

Morre passageira de moto que sofreu acidente com caminhão na BR-101

Sandra estava internada no Marieta Konder, em Itajaí

Geral

Casal que sofreu acidente na BR-101 dirigia moto dos sonhos comprada há dois meses

Sandra e Anderson voltavam de um passeio por Campo Alegre, no Planalto Norte, quando, na volta, foram atingidos pelo caminhão

Geral

Menino de 13 anos desaparece após submergir em rio de Santa Catarina

O trabalho de buscas foi reiniciado no início da manhã deste domingo (7)

Geral

Caminhões não podem entrar em Porto Belo pela via principal

O Governo do Município de Porto Belo através do Decreto Nº 2.701, delimita o acesso de caminhões de grande porte ao Município. Considerando que o acesso principal do Município, pela Avenida Governador Celso Ramos através […]

Mais notícias

Segurança

Denúncias de violência contra a mulher somam 105,6 mil em 2020

Do total de registros, 72% (75.753 denúncias) são referentes à violência doméstica e familiar contra a mulher

Economia

Sebrae: pandemia reduz participação de mulheres nos negócios

A maior parte das mulheres (51%) disse que não buscou empréstimo bancário para a sua empresa desde o começo da crise, enquanto 54% dos homens buscaram.