keyboard_backspace

Página Inicial

Cidades

“A cidade não suporta mais ser chantageada” diz prefeito de Florianópolis sobre greve da COMCAP

O MPSC requisitou à Polícia Civil a instauração de inquérito para apurar a responsabilidade do SINTRASEM pelo descumprimento da decisão judicial que declarou ilegal a greve

X
Foto: Divulgação

A polêmica sobre a greve dos servidores municipais continua rendendo investigações em Florianópolis. Depois das duras críticas feitas pelo prefeito Gean Loureiro em suas redes sociais – em que incita os trabalhadores a negociarem diretamente com a prefeitura e não esperar pelo sindicato, o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), por meio da 24ª Promotoria de Justiça da Comarca da Capital, requisitou à Polícia Civil a instauração de inquérito para apurar a responsabilidade do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Florianópolis (SINTRASEM) pelo descumprimento da decisão judicial que declarou ilegal a greve da Autarquia de Melhoramentos da Capital (COMCAP) e a consequente retomada dos serviços.

A requisição foi feita a partir de procedimento instaurado pelo Promotor de Justiça Wilson Paulo Mendonça Neto em função de ofício encaminhado pela 3ª Câmara de Direito Público do Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina, dando conta do descumprimento de ordem judicial, solicitando a apuração de responsabilidade do SINTRASEM, inclusive pela prática de crime ambiental.

“Os fatos noticiados são extremamente graves, com consequências do descumprimento da decisão judicial sendo sentidos por toda a população, direta ou indiretamente, ainda mais em plena pandemia com cuidados sanitários sendo exigido de todos, o que recomenda a intervenção, nesse momento, para apuração dos fatos no âmbito criminal, já que é possível, entre outras situações, vislumbrar a possível ocorrência de delito ambiental”, considera o Promotor de Justiça.

A requisição foi feita nesta quarta-feira (27) e o inquérito já foi instaurado pela Polícia Civil. Após concluído, será enviado à Promotoria de Justiça competente para as medidas judiciais cabíveis.

Fonte: Visor Notícias

Cidades

Itajaí reforça ações de combate e prevenção a Covid-19 nas escolas

Manutenção das atividades é considerada essencial pelo Governo do Estado

Cidades

Aulas presenciais retomam na segunda-feira (08) em Navegantes

Conforme divulgado anteriormente, as aulas serão no formato híbrido, mesclando atividades presenciais e remotas

Cidades

Carro com três ocupantes capota na BR-470

As vítimas foram socorridas já fora do veículo

Cidades

Vídeo: Boiada é flagrada no meio da rua em Joinville

Um vídeo inusitado vem chamando a atenção nas redes sociais de catarinenses. Na noite desta sexta-feira (05), uma moradora da Zona Leste de Joinville se espantou quando viu uma boiada curtindo a noite na rua […]

Cidades

Família carente de Itajaí pede ajuda para manter as despesas em casa

No momento, a conta de luz está atrasada e a família está precisando de produtos de higiene, alimentos, leite, roupas para as crianças e fraldas tamanho GG e P. São três meninos de 2,4 e 6 anos

Mais notícias

Geral

Morre passageira de moto que sofreu acidente com caminhão na BR-101

Sandra estava internada no Marieta Konder, em Itajaí

Coronavírus

São Joaquim decreta lockdown de uma semana

Objetivo é retirar a circulação de público e evitar a propagação do vírus