Prefeitura de Itapema
Itajaí

Hacker acusado de fraude de R$ 13 milhões é preso

 Numa ação conjunta entre a Polícia Civil, por meio da Divisão de Furtos e Roubos de Cargas (DFRC), Divisão  de Defraudações (DD) da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC) e Polícia Rodoviária Federal (PRF), na tarde de sábado, 10, resultou no cumprimento de um mandado de prisão, em desfavor de um homem, de 33 anos, natural de São Paulo/SP.

O investigado foi identificado como hacker, integrante de uma quadrilha, responsável pela fraude milionária contra instituição bancária, ocorrida na cidade de Itajaí. As investigações apontam que o grupo já movimentou o equivalente a R$ 13 milhões.

Entenda o caso:

Em 2017, a Divisão  de Defraudações, da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DD/DEIC), coordenada pelo Delegado de Polícia, Raphael Werling de Oliveira, desarticulou um grupo responsável por fraude milionária contra instituição bancária.

A fraude ocorreu em resgates de depósitos judiciais, cujos beneficiários eram trocados remotamente por um hacker da quadrilha, que burlava a segurança do sistema do banco. Em setembro do ano passado, foram presos em Itajaí, dois empresários na posse de R$ 700 mil. Ambos integravam grupo investigado.